OCT de Papila ou OCT de Nervo Óptico?

Tomografia de Coerência Óptica (OCT) de Papila ou de Nervo Óptico? Os dois exames possuem o mesmo significado. Trata-se de uma análise das camadas de fibras nervosas do nervo óptico.

O exame geralmente é solicitado para pacientes portadores de glaucoma ou alguma doença do nervo óptico como AVCs, neurites, esclerose múltipla, entre outras. Outro termo utilizado chama-se OCT de glaucoma. Esta análise confronta os dados da camada de fibras nervosas do nervo óptico e células ganglionares da mácula.

Sintomas:

  • Paciente com glaucoma geralmente não possui nenhum sintoma;
  • Baixa visual aguda (neurites);
  • Baixa visual lenta e progressiva;
  • Baixa visual que não melhora com óculos ou outra correção óptica (lentes de contato).

Resultados do OCT de papila:

Os resultados são comparados com um banco de dados de pacientes sadios da mesma idade, etnia e sexo. Quando o paciente apresentar uma diferença que estatisticamente seja significativa (maior que dois desvios padrões) o exame será alterado.

A análise dos resultados pode demorar. Dependendo das alterações, o quadro clínico do paciente é de extrema importância e requer que outros exames sejam realizados para fechar o diagnóstico. Exames complementares podem ser solicitados: exames de sangue, campo visual computadorizado e imagem como ressonância magnética de crânio.

Seguimento

Geralmente este exame necessita de uma continuidade. Dependendo do quadro clínico do paciente, o médico pode solicitar novo exame a cada mês, semestre ou ano.

Onde Realizar OCT de papila

Consultórios de Oftalmologia como a Clínica de Olhos Erechim são os locais mais indicados para realizar o exame. Estas clínicas estão preparadas para realizar o exame de maneira segura (com dilatação das pupilas), assim como a interpretação e orientação dos resultados.

Para agendar seu exame na Clínica de Olhos Erechim, entre em contato pelo telefone ou WhatsApp (54) 3712-0566.

Fonte